quarta-feira, 8 de abril de 2015


NOITE DOS ARTISTAS em prol Davi Miguel 

Apresentações de diversas pessoas e várias escolas , uma noite de muito talento e solidariedade!! Toda renda foi pro pequeno Davi Miguel !!
E aqui um pouco dos nossos alunos que colaboraram com essa linda noite!!


 Vários artistas da Dança e Música de Franca se reuniram para fazer uma apresentação em prol do David Miguel- Movidos pela vida - Davi Miguel"
Venha você também colaborar e prestigiar nossos artistas!!
Ingressos: Studio De Dança Daniela Tosi, Evelyn Studio de Dança, Step Dance - Atelië da Dança, Espaço de Dança Maria Laura Puglia, Raquel Camilla Ballet, Colégio Copérnico, Milla Zahar, Laís Ansuya, Cia Vocal Enrico Nery - (16) 9126.2664 - 3017.3532(fixo), Paula De Nicola, Leticia de Nicola, Sheila De Mello Gomes, Tenor Saulo Couto.




A esperança é uma ave que pousa na alma, canta melodias sem palavras e nunca cessa o seu canto.

Movidos pela vida - Davi Miguel"

 Saulo Couto Canta em palestra gratuita em Franca neste domingo do Médium Divaldo Franco


Franca recebe neste domingo, 22, o médium e orador Divaldo Pereira Franco, 87, para uma conferência espírita. A palestra, organizada pelo Idefran (Instituto de Divulgação Espírita de Franca), acontecerá no ginásio poliesportivo do colégio Pestalozzi, com entrada pela rua Afonso Pena. 
Com entrada franca e tema livre, o evento está marcado para as 20 horas, mas os portões estarão abertos a partir das 18h30. Antes e após a palestra, Franco fará uma sessão de autógrafos no espaço reservado para a venda de suas obras psicografadas. Para abrir o encontro, o tenor francano Saulo Couto fará uma apresentação com
 três músicas. 
Notório entre os divulgadores da Doutrina Espírita, Divaldo Franco, reconhecido como um dos maiores médiuns e oradores do espiritismo, é apontado como o “sucessor” de Chico Xavier, falecido em 2002. Além disso, já psicografou mais de 200 obras que, publicadas em livros traduzidos para 16 idiomas, venderam mais de sete milhões de exemplares. 
O conferencista, que profere palestras há 68 anos e já percorreu mais de sessenta países, sempre reúne um grande público quando passa pela cidade. Historicamente, Franco palestra para uma média de 3 mil pessoas, número esperado também para o próximo encontro, segundo dados do Idefran. 
O roteiro de Divaldo este ano começou em Goiânia e passou por Caldas Novas, Ituiutaba, Uberlândia e Uberaba antes de chegar a Franca. Sua última presença em solo francano foi em janeiro de 2014.

Franca recebeu ontem, 22, a presença do médium Divaldo Franco, 87. A palestra do orador aconteceu no ginásio poliesportivo do colégio Pestalozzi e reuniu cerca de cinco mil pessoas. Apresentações musicais do Tenor Saulo Couto e do Coral Juvenil Evaldo Braga deram início ao evento, que também teve uma sessão de autógrafos acompanhando a venda de obras publicadas por Divaldo.
O palestrante passou por Goiânia, Caldas Novas, Itumbiara, Uberlândia e Uberaba antes de chegar a Franca, cidade que não visitava desde janeiro de 2014. Dentre suas falas, Divaldo retomou figuras históricas da Roma Antiga e citou Chico Xavier, falecido em 2002, por meio de psicografias realizadas pelo famoso médium.

Considerado um dos maiores nomes do espiritismo na atualidade, Divaldo Franco comparece a Franca com palestras e visitas desde 1954. Dedicado também a projetos sociais, mantém em Salvador (BA), Estado onde nasceu, a Mansão do Caminho, dedicada a abrigar crianças e jovens por meio de lares-famílias.

O médium Divaldo Franco, 87, atraiu cerca de 5 mil pessoas para uma palestra gratuita no último domingo, 22, no ginásio poliesportivo do colégio Pestalozzi. Com os portões abertos desde as 18h30, o local ficou lotado de adeptos e simpatizantes da doutrina espírita, que se acomodaram na arquibancada, em cadeiras e até mesmo no chão. 
Apresentações musicais do Coral Juvenil “Evaldo Braga” e do tenor Saulo Couto abriram o evento. Divaldo subiu ao palco às 20 horas, após sessão de autógrafos com fila extensa. A palestra, anunciada como tema livre, teve citações a figuras históricas do Império Romano, passando pelo legado de Jesus Cristo e também por referências a Chico Xavier.
Na plateia, muitos seguidores fizeram questão de comprar mais algumas obras para completar suas coleções. A bancária aposentada Maria Rita Dias de Sousa, 62, levou para casa 3 DVDs e 6 livros autografados por Divaldo, a quem acompanha há 35 anos. “Ele me mostra a parte da fé associada à parte da realidade da vida da gente”, disse Maria. 
E não foram somente os francanos que compareceram ao evento. Além de moradores de cidades vizinhas, admiradores de localidades mineiras, como Alfenas e São Sebastião do Paraíso, e de outros pontos do Estado de São Paulo, como Presidente Prudente e Paulo de Faria, também marcaram presença. 
Iniciado em Goiânia (GO), o roteiro de Divaldo Franco passou por Caldas Novas (GO), Itumbiara (GO), Uberlândia (MG) e Uberaba (MG), antes de chegar a Franca, onde foi encerrado. Em todas as cidades em que passou, a comoção e o número de presentes chamaram a atenção. 


Representante do Idefran (Instituto de Divulgação Espírita de Franca), Fernando Falleiros comentou a respeito dos 5 mil presentes: “O povo está ficando cansado da matéria, por isso vem”.
  Para o técnico químico Arno Lopes, 49, a notoriedade do palestrante se deve por ele não ficar apenas na teoria. Divaldo mantém, dentre outros projetos, a Mansão do Caminho, em Salvador (BA), que se dedica a dar lares substitutos a crianças e jovens. “Além do conhecimento, ele tem a prática, projetos sociais, não são só palavras... Isso credencia a divulgação da doutrina espírita”, afirmou Arno.

segunda-feira, 15 de julho de 2013

Domingo, às 20h30, Capelinha ascenderá luzes de Natal
 com a apresentação do tenor Saulo Couto


 Domingo, às 20h30, Capelinha ascenderá luzes de Natal
Iluminação do ano passado atraiu inúmeros paroquianos
Da Redação
A Paróquia Nossa Senhora Aparecida (Capelinha) vai realizar, pelo segundo ano consecutivo, a apresentação da iluminação especial de Natal. A inauguração está marcada para o próximo domingo, às 20h30. “Vamos realizar esse evento porque o Natal é a festa da luz. Além disso, a Capelinha é um marco histórico de Franca. Então, aproveitamos essa estrutura bonita do prédio”, disse Frei Alcimar Fioresi, um dos diretores da Rádio Vida Nova FM e Prior do Seminário da Capelinha.

As luzes foram cedidas pela comunidade e instaladas pela Prefeitura na semana passada por toda a estrutura da igreja.
No ano passado, a cantora mirim Sofia Coimbra Vieira, emocionou a todos com a música “Além do Arco-íris” acompanha pelas flautas tocadas por 25 alunos da Escola Municipal “Frei Lauro”, além das apresentações da Banda Vocacional da paróquia, a apresentação ilustre do tenor Saulo Couto,cantando Ave Maria e Pai Nosso e de uma encenação do nascimento de Cristo.


Crianças cantaram nas janelas do prédio verdadeiros ícones natalinos, acompanhados por cerca de 400 pessoas que estiveram presentes.
A iluminação fica até a segunda semana de janeiro.







terça-feira, 4 de junho de 2013

Personajes principales:

Romeo, jefe de la familia de los Montescos de Verona, Saulo Couto (tenor)
Julieta, hija de Capuleto (soprano)
Capuleto, jefe de la familia de los Capuletos (bajo)
Fray Lorenzo, confidente de Romeo (bajo)
Esteban, paje de Romeo (soprano)
Teobaldo, primo de Julieta (tenor)
Gertrudis, nodriza y cuidadora de Julieta (mezzosoprano)

Foto




 Romeo y Julieta
de C. Gounod

Si en su condición de teatro cantado el género operístico ha acogido a obras cumbres de la dramaturgia universal, ciertamente con Romeo y Julieta de William Shakespeare, convertida en ópera por Charles Gounod, ha sabido mostrar una de las más triunfales adaptaciones.



Con una mayor acentuación de los aspectos amorosos de la pieza teatral, en sus cinco actos el magnífico libreto de esta ópera, elaborado por Jules Barbier y Michel Carré, logra plasmar, paso a paso, toda la esencia de la célebre tragedia de los llamados “amantes de Verona”.



Sobre aquel texto Gounod elaboró una grandiosa partitura en que los constantes encuentros de Romeo y Julieta –desde la dicha inicial hasta el mutuo encuentro con la muerte– dieron pie para cuatro maravillosos dúos, que se suman a las célebres arias solistas “Je veux vivre” de Julieta y “Ah! léve-tuoi soleil” de Romeo.



Tras trece años de ausencia en nuestro medio, Romeo y Julieta vuelve al Teatro Municipal de Santiago con dos jóvenes artistas que ya triunfan en los grandes escenarios del mundo encarnando a la pareja de amantes: el tenor rumano Teodor Ilincăi será Romeo y la soprano japonesa Eri Nakamura será Julieta.



Dos prestigiosos artistas franceses comandarán este título: en la producción escénica está el aclamado Jean-Louis Pichon, mientras que el podio orquestal recibe el debut de Yves Abel, destacadísimo director del ámbito operístico, poseedor de una abultada agenda y discografía. En 2005 recibió la nominación de Principal Director Invitado de la Deutsche Oper de Berlín y en 2009 el gobierno francés lo condecoró como Chevalier de l’Ordre des Arts et des Lettres. El maestro Abel ha sido un gran promotor de la divulgación de la ópera francesa en los EE.UU.



TEMPORADA DE ÓPERA 2013
ROMEO Y JULIE
TA
de C. Gounod
Ópera en cinco actos, con libreto de Jules Barbier y Michel Carré, basado en el drama
homónimo de William Shakespeare.
Elenco
Romeo:
Teodor Ilincăi / Zach Borichevsky & Saulo Couto*
Julieta:
Eri Nakamura / Paulina González*
Fray Lorenzo:
Homero Pérez
M
iranda / Ricardo Seguel*
Stéphano:
Gaëlle Arquez
/
Marcela González*
Mercutio:
Marc Canturri / Patricio Sabaté*
Benvolio:
Sergio Járlaz / Diego Godoy*
Gertrudis:
Evelyn Ramírez
Capuleto:
Sergio Gallardo / Carlos Guzmán*
Tebaldo:
Luis Olivares / Leonardo Na
varro*
Paris:
Felipe Ulloa / Ramiro Maturana*
Gregorio:
Cristián Moya
Duque de Verona:
Arturo Jiménez
Hermano Juan:
Cristián Lorca
Dirección de escena:
Jean
Louis Pichon
Asistente de dirección de escena:
Sylvie Auget
Escenografía y Vestuario:
Frédéric
Pineau
Asistente de Escenografía y Vestuario:
Jérôme Bourdin
Iluminación:
Michel Theuil
Coreografía:
Edymar Acevedo
CORO DEL TEATRO MUNICIPAL
Dirección:
Jorge Klastornick
ORQUESTA FILARMÓNICA DE SANTIAGO
Dirección:
Yves Abel
* Ópera est